Notícias
19/02/2019

Barueri avança 55 posições em ranking de sustentabilidade

De olho na certificação, cidade promete desenvolver novas ações em prol do meio ambiente

Barueri subiu 55 posições no último ranking do Programa Município Verde Azul (PMVA), do Governo do Estado de São Paulo, que reconhece ações e projetos desenvolvidos pelas administrações municipais para melhorar a qualidade de vida da população, aliados à preservação do meio ambiente. Apesar do bom resultado, a cidade ainda não atingiu a pontuação exigida para ganhar a certificação do programa. De olho no selo, a Prefeitura promete desenvolver novas atividades.

Entre os 574 municípios listados no ranking de 2018, Barueri aparece na 122ª posição, com um total de 57.83 na pontuação, que vai de zero a 100. No ano passado, a cidade ocupava o 177º lugar, com uma soma de 45,84, pontos.  Comparando com o desempenho das cidades da região metropolitana, Barueri aparece em 3º lugar.

No programa, apenas cidades que atingem mais de 80 pontos ganham a certificação. A avaliação acontece em 10 diretivas distintas: esgoto tratado, conselho ambiental, qualidade do ar, uso do solo, município sustentável, resíduos sólidos, biodiversidade, gestão de águas, estrutura e educação ambiental e arborização urbana.

De acordo com a Prefeitura de Barueri, a elaboração do Plano Municipal de Mata Atlântica, a composição do órgão Gestor da Política Municipal de Educação Ambiental e a elaboração do Guia de Arborização Urbana e cartilha “Guarda responsável de cães e gatos”, foram ações fundamentais para a melhora no ranking. “Destacam-se ainda projetos em parceria com a Secretaria da Educação, as certificações ambientais da Câmara de Vereadores, a implantação do IPTU Verde e a nascente modelo na Aldeia da Serra”, disse o órgão em nota.

A meta da gestão é continuar subindo no ranking e atingir, até 2020, o selo.  Para isso, estão sendo estudadas a implantação de novos projetos, como por exemplo, o Pagamento por Serviços Ambientais (PSA), a implantação de placas de captação de energia solar na área do aterro municipal, além de uma consulta pública sobre arborização urbana. Estão previstas para também a construção de dois novos parques, no Parque Santa Luzia e na Chácaras Marco.


Parnaíba

O município de Santana de Parnaíba perdeu 20 posições no ranking PMVA no último ano. Em 2017, a cidade aparecia no 157º lugar, porém, em 2018, caiu para a 177ª posição, com uma pontuação de 43,80.

Entre os projetos desenvolvidos na cidade que atendem ao PMVA, está o programa arborizar. Na última semana, o prefeito Elvis Cezar afirmou, por meio das redes sociais, que em um ano, a gestão já plantou mais de 12.750 árvores e que, em breve, atingirá a meta do plantio de 15 mil mudas.


Fonte: Folha de Alphaville