Notícias
11/04/2019

Barueri amplia monitoramento com a instalação de mais câmeras

Do total, sete equipamentos serão instalados em Alphaville e cinco no Tamboré, afirma administração municipal

Central de monitoramento passará a conta com 550 câmeras de vigilância (Foto: Michela Brígida/ Folha de Alphaville)A Central de Viodeomonitoramento de Barueri ganhará mais 173 câmeras de vigilância, que serão instaladas por 26 bairros. O anúncio foi feito pelo prefeito Rubens Furlan, por meio das redes sociais, na última semana.

Atualmente, o sistema conta com 377 câmeras de monitoramento 24 horas, que são acompanhadas por agentes da Guarda Municipal. Após a instalação dos equipamentos, que não teve prazo de conclusão informado pela administração municipal, a cidade contará com um total de 550 equipamentos.

Segundo a Prefeitura, dessa soma de novos aparelhos, sete serão instalados nas vias de Alphaville e cinco na região de Tamboré. “Com essas novas câmeras fechamos o município inteiro em monitoramento. Teremos imagens de todos os cantos da cidade, o que fará diminuir ainda mais os índices de criminalidade”, disse a secretária de Segurança e Mobilidade Urbana de Barueri, Regina Mesquita, à Folha de Alphaville.

Entre outras novidades previstas para a área de Segurança e Trânsito da cidade, a gestão informou que está em processo de licitação a instalação de semáforos inteligentes na Avenida Vinte e Seis de Março, no centro do município. “A previsão é que até o final do mês a avenida inteira esteja adaptada. Os novos equipamentos possuem visor de LED, contagem numérica e poderão ser monitorados da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana para auxiliar o tráfego”, informou o órgão em nota.

Estatísticas

Dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP), divulgados na semana passada, coletados pela reportagem, mostram que no mês de fevereiro, Barueri registrou um homicídio doloso- quando há intenção de matar-, a menos do que em janeiro deste ano. O número de furtos em geral diminuir cerca de 20% na comparação entre os dois primeiros meses do ano, reduzindo de 207 para 164 casos. Foi registrada também uma ocorrência a menos de roubos de cargas em fevereiro, em relação a janeiro- cinco no total.

Em contrapartida, o município anotou aumento nos roubos em geral, onde os casos passaram de 66 para 90, entre janeiro e fevereiro. Também houve alta nas situações de roubo de veículo, que aumentaram de 10 para 14 e nos casos de furtos de veículo, que passaram de 32 para 38.
Entre janeiro e fevereiro deste ano, a cidade não registrou casos de latrocínios- roubos seguidos de morte.

Parnaíba

O município de Santana de Parnaíba também não registrou casos de latrocínio e roubos de carga nos dois primeiros meses do ano, de acordo com a SSP. No mês de fevereiro, porém, a cidade anotou um caso de homicídio doloso. O número de roubos em geral teve um alta de 44%, passando de 9 para 13 casos, entre os dois primeiros meses do ano. Os casos de roubo de veículo também aumentaram, passando de um para três, assim como os furtos de veículo, que saltaram de 7 para 10 situações. Furtos em geral somaram 37 ocorrências em fevereiro, ante 34 em janeiro.


Fonte: Folha de Alphaville