Notícias
07/06/2019

Em alerta para surto, municípios têm alta de 350% em casos de dengue

Em alerta para o surto de dengue no último Levantamento rápido de índice para Aedes Eegypti (LIRAa), divulgado no mês passado pelo Ministério da Saúde, Barueri e Santana de Parnaíba já possuem 50 casos confirmados de moradores infectados pela doença, sendo 25 em cada cidade. O número subiu mais de 350% do que as notificações confirmadas ao longo de todo o ano passado, quando juntos, os municípios somaram 11 ocorrências. 

Os dados são do Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo (CVE) e referem-se até o dia 15 de maio. Somados, em todas as cidades paulistas foram registrados 158.151 casos até o momento.
Entre os casos de Barueri, 15 são autóctones, nome que se dá para uma doença que é adquirida na zona da residência do enfermo, e 10 são importados, contraídos fora da zona residencial. No ano passado, o município registrou 8 casos, sendo dois autóctones e seis importados.

Em relação às notificações, a cidade somou até a primeira quinzena de maio 426 ocorrências. O número é 153% maior do que todo o ano de 2018, quando a cidade teve 168 notificações.

Santana de Parnaíba também registra uma alta importante: foram 14 casos autóctones e 11 importados anotados até o dia 15 de maio. No ano passado, a cidade teve apenas três casos, sendo todos eles autóctones.

Foram anotadas também 95 notificações em Parnaíba neste ano, ante 76 em 2018. O número mostra um aumento de 25%.??


Prevenção

Para prevenir a doença, as cidades realizam campanhas intermitentes ao longo do ano a fim de combater locais que possam ser possíveis criadouros. Em Barueri, o departamento responsável pela ação é a Coordenadoria de Vigilância em Saúde. Já em Santana de Parnaíba, o órgão responsável é o Sedes-Dengue (Setor de Dengue da Saúde).

Em ambos os municípios, agentes de saúde estão fazendo visitas constantes em residências a fim de oferecer orientações sobre cuidados e verificar se o local não é fonte de transmissão do vírus. Mais informações podem ser obtidas na Vigilância de Barueri, telefone 4199-1333 e no Disk Dengue de Parnaíba, número 4154-6853.


Fonte: Folha de Alphaville